Coluna Social – Regina Helena + Glauco Toth “By Life” – edição 107

Coluna Social – Regina Helena + Glauco Toth “By Life” – edição 107

Casal Destaque: Martha e Zéca Bertonha em ritmo de Bodas de Mármore (39 anos de casados).


Foto é Fato: Carlos Alberto de França Rebouças Júnior é um ser iluminado, distribuindo bondade e esbanja amor (um dos mais nobre sentimentos), marca data nova (57 anos).
Mora em Fortaleza onde desenvolve sua profissão com maestria: Advogado, Teólogo, PhD em Psicanálise, Mestre MsC e Especialista em Constelação Sistêmica Familiar.


Gente Nossa: Os advogados, Hermes Beznos, José Augusto Silva Ribeiro, Milton Bigucci, Edmilson Narchi, João Serra, Eduardo (Duda) Amaral, Lázaro Infante, Deise Previato, Antonio Carlos, José Amaro, e o anfitrião João Gianesi, reunidos para comemorar o “mesversário” de 53 anos de formatura nas Arcadas do Largo de São Francisco. E todos os meses juntos … sempre na última sexta-feira do mês, com alguns ausentes pela pademia …


Só Sorrisos: Joyce Silva, escritora de vocação, coloca vida na fantasia e faz sucesso.
http://portalmariliense.com/portal/livros-x-provas-por-joyce-silva/


31 de outubro e o futuro de nossa Cidade
Há tantas cidades no planeta quanto há de folhas numa floresta e isto faz de nós seres privilegiados: vivemos a nossa.
Estima-se que pouco mais de 4 bilhões de pessoas no mundo de hoje vivam em cidades – cerca de 55% da população total. Em 2050, seremos impressionantes 7.000.000.000!
A maior de todas as invenções humanas tem seu dia: 31 de outubro, o Dia Mundial das Cidades, definido em 2013 pela Assembleia Geral da ONU, data para refletirmos sobre como tornarmos nossas localidades ainda mais sociais e ambientalmente sustentáveis e o futuro dos nossos assentamentos urbanos.
Em outras palavras, nada mais nada menos que o como¬ combinarmos sustentabilidade, economia, necessidades sociais e crescimento urbano, tudo dentro do mesmo caldeirão, fazendo um agradável e apresentável prato a ser servido ao cidadão em vida coletiva – em sociedade.
Obviamente que não há receitas prontas e cabe a cada gestor definir o estilo de “refeição” (da mais sofisticada à mais humilde, cada qual na sua realidade e com suas limitações), inventando receitas exclusivas, combinando ingredientes típicos locais e acessíveis aos próprios bolsos (os desafios, forças, fraquezas, oportunidades e ameaças de uma cidade suíça ou norueguesa são completamente distintos dos de uma outra nos africanos Malawi ou Moçambique), esforçando-se em bem cumprir seu papel, sempre indo além, elaborando e reelaborando aquilo que oferta e produz.
Aqui, vale a regra: ninguém faz nada sozinho. Justamente por isto, não há que se deixar a criatividade e as ideias propostas somente nas mãos dos gestores – normalmente propensos à técnica e, por este motivo e em alguns casos, até um pouco distantes das dores do cidadão.
Devemos juntá-las às nossas, seres comuns imersos na realidade concreta do dia-a-dia.
Quando comunidades urbanas se engajam na formulação de políticas públicas e gerem bem seus recursos financeiros, os resultados são mais inclusivos e duradouros.
Cidades bem-sucedidas e bem administradas reduzem muito eventuais riscos e tornam suas populações menos vulneráveis a quaisquer ataques, sejam os de ordem natural, sejam os resultantes de nossa influência humana.
Mais seguras, portanto.
Urbanistas e estadistas que tenham nas pessoas, nas suas gentes, o centro de todas as tomadas decisórias garantem novas formas de inclusão social, incorporando maior igualdade, acesso a serviços e novas oportunidades, adesão, compromisso e mobilização que refletem a diversidade de nossa terra.
Lembre-se: 31 de outubro é dia de aderir, comprometer-se e mobilizar em prol de nossa cidade.
Dia de pensarmos e propormos oportunidades. Pensarmos e propormos uma Marília ainda melhor: o futuro de nossa Cidade.

Marcos Boldrin
é Secretário da Administração e Coronel da Reserva
https://www.facebook.com/coronelmarcosboldrin


Destaque Lions: Destaque da coluna By Life para a visita do casal governador Hélio Ruiz e Juliana ao Lions Clube de Vera Cruz, na comemoração dos 53 anos de aniversário da entidade, presidida por Ana Cristina Dátilo.


Cuidando do Meio Ambiente: Plantio de diversas árvores, inclusive pau brasil e jacarandá, na Vila Altaneira, onde a comunidade se mobilizou, obteve parcerias e criou mais um pulmão verde para o mundo, do qual participam a Policia Ambiental, representada pelo Cabo Mendes, o protagonista da “revolução verde” na cidade, Cassiano Rodrigues Leite, a presidente da Sociedade Amigos do Bairro da região, Maria Aparecida Sanches, a Cidinha do Altaneira, e a presidente do Lions Clube Marilia Terceiro Milênio, Luzimábile de Fátima Gonçalves Zaparolli, evento realizado no último dia 30/10.

Regina Helena é uma rocha e demonstra não conhecer o impossível. Pautada no amor, fé e na cumplicidade, mostra em tudo que faz o agradecimento a Deus. Sempre prestativa tem um carisma que contagia e apesar dos seus quase 77 anos parece uma jovem sonhadora. Profissionalmente, começou no Jornal da Manhã e foi "mestra" de estagiários que ocupam hoje lugar de destaque.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *